• Notícias
    Data da publicação: quarta-feira, 19 de abril de 2017
    FAB realiza testes para inserção de helicópteros do Exército no sistema Link BR-1
    Esse é um passo importante para integração das Forças em operações conjuntas
    Por: Redação
    E-mail



    Um passo importante para a integração das Forças Armadas em operações conjuntas foi dado pelo Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE). Uma série de testes realizados em meados de março avaliou, com êxito, a possibilidade de inserção dos helicópteros EC-725 (Projeto HX-BR) do Exército Brasileiro (EB) no Sistema de Comunicação Segura da Força Aérea Brasileira, o Sistema Link BR-1.

    "Com o resultado destes testes, a FAB e o EB programam o próximo passo, ou seja, a inclusão de toda a frota de EC 725 do EB no sistema Link BR-1", explica o Chefe da Divisão de Comunicações e Sistema de Informações do COMAE, Comandante de Mar e Guerra Mauro Olivé Ferreira. "Logo após este processo com o Exército, há coordenações em andamento com a Marinha do Brasil para a integração também de seus vetores, de forma a termos uma completa integração de comunicação segura entre as três Forças nas operações aéreas conjuntas. É o Brasil cada vez mais forte no cumprimento da defesa de sua soberania", complementa o Comandante.

    Os experimentos promovidos por meio da Divisão de Comunicação e Sistema de Informação (DIVCSI) do COMAE foram animadores, pois o Link BR-1, um sistema de Comunicação de Voz e Dados com possibilidade de transmissão criptografada e/ou em salto de frequências (COMSEC COMSEC/TRANSEC), possibilita a comunicação segura entre vetores aéreos e entre estes vetores e Centros de Operações Militares (COPM), por meio de Estações de Solo (DLRS).

    Para a avaliação, o Exército Brasileiro enviou à Ala 1, sediada em Brasília (DF), o helicóptero EC-725, matrícula EXB-5006. Após a configuração dos rádios V/UHF da aeronave pela equipe do COMAE com algoritmo e chaves de criptografia, foram realizados testes em solo e em voo, com o apoio de uma aeronave do Esquadrão Arara (FAB 2800).

    Posteriormente, ocorreu o teste de comunicação segura em voo entre a aeronave 5006 e a Estação Remota de Data Link (DLRS) da Ala 2, sediada em Anápolis, bem como com a aeronave E-99 do esquadrão Guardião.

    "Uma vez concluído este processo de inserção, haverá um ganho significativo na integração das Forças em missões de operações aéreas conjuntas, pois haverá a interoperabilidade em comunicação segura, entre os atores envolvidos, vetores e controladores, além da comunicação em claro, já usual", ressalta o Comandante Olivé.

    Veja também
  • Justiça torna réus acusados de desviar verbas da Lei Rouanet
  • Percentual de cheques devolvidos sobe em novembro, diz Boa Vista
  • Gripe é porta de entrada para doenças que matam até 650 mil pessoas por ano no mundo, segundo OMS
  • Na mira do BC, cartão de débito deve ter incentivo para reduzir custos ao lojista
  • Operação da PF vai desvendar fraude de R$205 milhões na Fazenda
  • Crise política e econômica afasta imigrantes do Brasil
  • Valdir Vitorino participou ao vivo do Primeira Página desta sexta; Assista!
  • Sorteio de 224 casas populares acontece hoje em Capivari
  • Congresso aprova Orçamento federal de R$ 3,5 trilhões para 2018
  • Governo libera pagamento do sexto lote do PIS/Pasep
  • Documento do carro terá versão digital em 2018
  • Sobe o número de brasileiros que vão guardar o dinheiro do 13º
  • Google e operadoras desenvolvem substituto do SMS
  • Anvisa aprova vacinação em farmácias
  • Vendas no comércio voltam a crescer, em novembro

  • (19) 3491-1750
    R. Gal. Osório, 1047 Capivari / SP | CEP:13360-000