• Notícias
    Data da publicação: terça-feira, 09 de maio de 2017
    Batata e tomate puxam custo de vida das famílias de baixa renda, mas avanço perde força
    Por: Umberto Ferretti - Rádio 2

    Boa notícia para a população de baixa renda.


    O aumento do custo de vida de quem ganha até duas vezes e meia o valor do salário mínimo perdeu força. E, em abril, a alta foi de apenas 0,11 por cento.


    A pesquisa foi feita pela Fundação Getúlio Vargas.


    No mês passado, houve avanço nos gastos com: alimentação, saúde, transportes e comunicação.


    Destaque negativo para o tomate e a batata, ambos com alta de mais de 30 por cento no preço médio. E a lista dos maiores aumentos tem ainda o leite e o bujão de gás.


    Por outro lado, os gastos com habitação, vestuário e educação diminuíram.


    Nesses casos, chamaram a atenção, por exemplo, as quedas nos preços da conta de luz, da taxa de condomínio e das roupas.


  • Veja também
  • Carro capota em rodovia de Capivari e deixa uma pessoa ferida
  • Safra de cana atrasada não impede queda do preço do álcool
  • Maio tem aumento na procura por viagens aéreas nacionais
  • Detran leiloa 643 veículos apreendidos por infrações de trânsito
  • Raízes do Brasil apresenta: mensagem do dia 22/06; ouça aqui
  • Veterinária explica como amenizar os efeitos dos fogos de artifícios nos cães e em outros animais
  • Jovem de Capivari conquista vaga para o Campeonato Sul-Americano de Kick Boxing
  • Nova lei garante prioridade maior para idosos com mais de 80 anos
  • Raízes do Brasil apresenta: mensagem do dia 21/06; ouça aqui
  • Valor da gasolina atinge menor preço desde 2015
  • Cheques devolvidos correspondem a 2,11% do acumulado de maio
  • Infraestrutura fecha quase 120 mil vagas
  • Preços das frutas seguem em queda em Ceasas de oito estados
  • Prefeitura de Capivari inicia operação tapa buraco em ruas da cidade
  • Raízes do Brasil apresenta: mensagem do dia 20/06; ouça aqui

  • (19) 3491-1750
    R. Gal. Osório, 1047 Capivari / SP | CEP:13360-000