• Notícias
    Data da publicação: segunda-feira, 16 de outubro de 2017
    Governo quer substituir cubanos por brasileiros no Programa Mais Médicos
    Por: Bernadete Druzian - Rádio 2

    Quase 200 profissionais cubanos que atuam no Programa Mais Médicos entraram na Justiça para receber salário integral, igual ao dos brasileiros e outros estrangeiros.

    Segundo o Ministério da Saúde, as ações são contra a Organização Panamericana de Saúde, a Opas, que faz a ponte entre os governos dos dois países.

    Os cubanos alegam desigualdade salarial, uma vez que parte do dinheiro vai para o país de origem. Dos 11 mil e 500 reais repassados a Opas, apenas TRÊS mil reais vão para os médicos.

    Os médicos mantêm vínculo trabalhista em Cuba e atuam em missão no Brasil, enquanto os demais são contratados pelo Ministério da Saúde.

    Os critérios para renovação dos contratos também são diferentes. Os argentinos, por exemplo, podem permanecer no programa por mais três anos após a primeira fase. Já os cubanos necessitam autorização especial do governo para ficar no Brasil.

    O Programa Mais Médicos, criado em 2013 tem 18.240 vagas em 4 mil cidades. Cerca de 9 mil médicos de Cuba ocupam quase a metade dos postos de trabalho.

    O governo brasileiro afirmou que pretende substituir pelo menos 4 mil profissionais cubanos nos próximos três anos.

    Veja também
  • Saae Capivari informa!
  • Mercado mostra recuperação e vendas de ônibus e caminhões aumentam 5%
  • Quase 23 milhões de pessoas sacam o abono salarial ano-base 2015
  • Percentual de obesos cresce em 8 anos no Brasil, diz ANS
  • Paulistão começa no meio da semana com oito jogos
  • Prefeitura afirma que informação sobre o edital de pagamento da Cesta Alimentação é falsa
  • 25 motoristas são autuados por embriagues ao volante no último sábado
  • Um terço das universidades federais tem denúncia em cota racial
  • Lava Jato considera falsos recibos apresentados por Lula no caso do apartamento em SBC
  • Um em cada cinco presos relata a juiz violência durante a prisão, diz CNJ
  • Laudo indica que Suzane von Richthofen tem condições de cumprir a pena em liberdade
  • Resultados do Enem 2017 serão divulgados no próximo dia 18
  • Ansiedade em idosos pode contribuir no desenvolvimento do Alzheimer
  • Operário sofre descarga elétrica em Capivari
  • Homem morre eletrocutado no bairro Moreto em Capivari

  • (19) 3491-1750
    R. Gal. Osório, 1047 Capivari / SP | CEP:13360-000