• Notícias
    Data da publicação: quarta-feira, 18 de outubro de 2017
    Reforma da Previdência deve voltar à Câmara, em novembro, com flexibilização das regras
    Por: Bernadete Druzian - Rádio 2

    Na tentativa de aprovar a reforma da Previdência ainda este ano, governo admite flexibilizar a proposta. Mas não abre mão da idade mínima de 65 anos para homens e 62 para mulheres, do tempo de contribuição mínimo de 25 anos e de uma regra de transição.

    O impasse está na garantia dos 75% de economia dos gastos públicos previstos com a reforma, que devem atingir R$ 600 bilhões em 10 anos.

    O que pode ficar de fora do projeto é o aumento da idade para idosos receberem o Benefício de Prestação Continuada, e as exigências para aposentadoria do trabalhador rural.

    Segundo informações da Folha de São Paulo, o governo e o Ministério da Fazenda chegaram a um acordo sobre a flexibilização para garantir que o projeto seja votado no Senado até 22 de dezembro, quando termina o ano legislativo.



    Veja também
  • Trabalhadores realizaram 1.566 greves em 2017, diz Dieese
  • Câncer vai matar mais de 9 milhões de pessoas este ano
  • Eleições 2018 terão quase 2 milhões de mesários
  • Licenciamento de veículos com placa final 7 e de caminhões com placa 1 ou 2 termina no fim do mês
  • PF apreende mais de 1,1 tonelada de cocaína em tratores no Porto de Santos
  • Colisão entre carro e caminhão deixa uma pessoa ferida em rodovia de Capivari
  • Venda de veículos financiados cresce 7,7%, em agosto
  • Em setembro, juros do cheque especial voltam a subir
  • Enxaqueca tem vários gatilhos e obesidade aumenta em 44% risco da doença
  • Suspeito de invadir residências para filmar mulheres durante o banho é detido em Capivari
  • Brasil bate meta de vacinar 95% das crianças
  • Preço da gasolina dispara e supera valor registrado logo após a greve dos caminhoneiros
  • Pelo menos 29 pessoas acusadas de integrar quadrilha especializada em crimes cibernéticos são presas
  • Dia mundial sem carro será comemorado neste sábado em Capivari
  • Custo de vida do brasileiro sobe, mas alimentos mais baratos impedem avanço maior

  • (19) 3491-1750
    R. Gal. Osório, 1047 Capivari / SP | CEP:13360-000