• Notícias
    Data da publicação: quarta-feira, 18 de outubro de 2017
    Reforma da Previdência deve voltar à Câmara, em novembro, com flexibilização das regras
    Por: Bernadete Druzian - Rádio 2

    Na tentativa de aprovar a reforma da Previdência ainda este ano, governo admite flexibilizar a proposta. Mas não abre mão da idade mínima de 65 anos para homens e 62 para mulheres, do tempo de contribuição mínimo de 25 anos e de uma regra de transição.

    O impasse está na garantia dos 75% de economia dos gastos públicos previstos com a reforma, que devem atingir R$ 600 bilhões em 10 anos.

    O que pode ficar de fora do projeto é o aumento da idade para idosos receberem o Benefício de Prestação Continuada, e as exigências para aposentadoria do trabalhador rural.

    Segundo informações da Folha de São Paulo, o governo e o Ministério da Fazenda chegaram a um acordo sobre a flexibilização para garantir que o projeto seja votado no Senado até 22 de dezembro, quando termina o ano legislativo.



    Veja também
  • Veterinária responde dúvidas de ouvintes sobre desidratação e banhos no inverno
  • Vacina brasileira contra a dengue é patenteada e deve chegar ao mercado nos próximos meses
  • Golpe promete desconto em óculos de sol para roubar perfis em redes sociais
  • Guarda Civil apreende rapaz com pinos de cocaína e R$70 em Capivari
  • Comércio vendeu mais no Dia dos Namorados afirma pesquisa
  • Maior vestibular do País, prova da Fuvest terá reconhecimento facial dos candidatos
  • Blitz da Lei Seca autua 73 motoristas; Seis deles podem pegar até três anos de cadeia
  • Atenção às medidas de segurança na passagem pelos pedágios eletrônicos; lei determina retirada de cancelas
  • Artista que faz estátua viva em Capivari passa por dificuldades e tem morado na rua
  • Dpvat já indenizou 148 mil vítimas em 2018
  • 62% dos jovens brasileiros têm o desejo de morar fora do país, revela pesquisa
  • 60% dos torcedores trocaria título do time por hexa na Copa, diz pesquisa
  • Provimento regulamenta teletrabalho nos cartórios de notas e de registro
  • Inverno exige cuidado redobrado com a pele
  • Preços dos combustíveis diminuem, mas gasolina e álcool estão mais caros que antes da greve

  • (19) 3491-1750
    R. Gal. Osório, 1047 Capivari / SP | CEP:13360-000