• Notícias
    Data da publicação: sexta-feira, 02 de fevereiro de 2018
    É inadmissível desacatar decisão judicial, afirmou ministra Cármem Lúcia
    Por: Bernadete Druzian - Rádio 2

    Mais do que julgar, o Judiciário resolveu defender a classe e valorizar o terceiro poder. A ministra do STF, Cármem Lúcia, abriu o Ano Judiciário 2018 com a declaração de que “é inadmissível desacatar decisão judicial”.


    Já a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, defendeu que as decisões judiciais sejam cumpridas para acabar com a sensação de impunidade.


    A magistrada destacou que as instituições da Justiça trabalham arduamente e de forma independente.


    E ressaltou o papel dos Tribunais Superiores, de corrigir eventuais erros, e reparar situações de injustiças.


    Raquel Dodge salientou que todo o trabalho não será suficiente se não houver cumprimento das decisões, restauração dos direitos, reparação dos danos e que os culpados paguem pelos seus atos.


    O poder Judiciário enfrenta algumas crises com o Executivo. Uma delas foi o recente episódio de suspensão da posse da deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ) no Ministério do Trabalho.


    Antes, a ministra Cármem Lúcia suspendeu parcialmente o indulto de Natal criado pelo presidente Temer.

    Veja também
  • USP descobre moléculas que podem tratar febre amarela
  • Moradora de Rafard denuncia mau estado de conservação em banheiro de Praça
  • Entrega da declaração do IR 2018 começa no dia 2 de março
  • Pesquisadores da USP encontram nova forma de detectar o vírus da febre amarela
  • Carnaval de Marchinhas em Capivari é o evento ideal para seu filho neste carnaval
  • Lei autoriza visita de pets a pacientes em hospitais municipais de São Paulo
  • Implante no cérebro ajuda a melhorar a memória humana
  • Fique atento: Carnaval não é feriado nacional
  • Inauguração da Galeria Tarsila do Amaral ocorre no dia 22
  • Projeto do Senado pretende punir passageiro que acompanhar motorista bêbado ou drogado
  • Pensão integral para cônjuge de policiais entra na reforma da Previdência
  • 6 passos para quem começou 2018 com dívidas
  • Acidentes nas rodovias federais caíram 7,5% em 2017
  • Vereadores cobram administração durante retorno das sessões camarárias em Rafard
  • Especialista em moda, Nanda Máximo, fala sobre o Carnaval

  • (19) 3491-1750
    R. Gal. Osório, 1047 Capivari / SP | CEP:13360-000