Compartilhe

Um grupo de 20 amigas de Piracicaba (SP) se reuniu para confeccionar cobertores térmicos feitos com caixas de leite. As mulheres, chamadas de “Abelhinhas Voluntárias”, recebem os recipientes doados, separam, limpam, cortam e costuram as peças.

Foto: Gabriela Ferraz/EPTV

Nesta quarta-feira (18), quando a previsão é de queda brusca de temperatura, geada ao amanhecer e termômetros com mínima de 4ºC e máxima de 17ºC, cerca de 190 cobertores serão distribuídos para pessoas em situação de rua na cidade.



A meta é entregar 700 cobertores até esta sexta-feira (20) , mas o projeto estima produzir mais de 850 unidades. As peças deverão ser encaminhadas para entidades assistenciais e, depois, entregues a pessoas em situação de rua.

Uma das costureiras afirmou que não sabia costurar quando teve a ideia de iniciar o projeto voluntário, mas, comprou uma máquina e aprendeu a confeccionar os cobertores.

Processo de produção

Antes de ir para as máquinas, as caixinhas precisam ser abertas com cuidado, depois são lavadas e colocadas no sol para secar e perder qualquer tipo de odor. Na sequência, são cortadas na guilhotina em tamanho padronizado e para se adequarem à costura. É preciso 30 caixinhas de leite para produzir uma manta térmica.

Fonte: G1