Compartilhe

Um caso inusitado foi publicado no periódico científico The New England Journal of Medicine nesta semana. Um pedaço de cimento foi encontrado no coração de um paciente após ele passar por uma cirurgia cardíaca.

O homem, de 56 anos, havia comparecido à emergência com dores fortes no peito e falta de ar. Com os resultados da radiografia e tomografia computadorizada do tórax, os médicos identificaram um corpo estranho no tecido do coração.



Ao questionarem o paciente sobre seu histórico de saúde, souberam que, uma semana antes, o homem havia passado por uma cifoplastia, um procedimento que reposiciona ossos no lugar após fraturas. A cirurgia é comum para reparar danos causados pela osteoporose e utiliza uma espécie de cola óssea para solidificar a estrutura fraturada.

Surpresos com a possível trajetória do corpo estranho até o coração do paciente, os médicos tiveram que fazer uma operação de emergência. O pedaço de cimento encontrado media 10 cm de comprimento e 0,2 de diâmetro e, segundo informações relatadas ao periódico científico, já estava impedindo a passagem de água, sangue e nutrientes na corrente sanguínea, causando uma embolia no paciente.

Para os cientistas, se o corpo estranho não tivesse sido retirado, o homem poderia ter sérias complicações de saúde. A história singular teve final feliz, no entanto. “Após a remoção, o átrio direito do paciente foi reparado. Ele não teve complicações pós-operatórias e, um mês após o procedimento, estava quase recuperado”, afirmaram os médicos.