Compartilhe

Uma jovem fã do Metallica deu a luz a seu bebê no meio do show da banda, que se apresentou em Curitiba, na noite do último sábado (07). As contrações começaram exatamente no início do show e não houve tempo dela chegar até o hospital. O bebê nasceu ali mesmo, na área de atendimento médico do evento.

A jovem explicou nos seus stories, do Instagram, que já tinha comprado o ingresso há três anos e nunca imaginou que isso pudesse lhe acontecer. Veio a pandemia, os eventos em geral foram interrompidos e ela não imaginava que, neste meio tempo, ficaria grávida e que bem nesse momento o show poderia ocorrer.



Quando a banda anunciou a apresentação em Curitiba, mesmo já estando exatamente nas semanas prováveis do parto, a jovem decidiu ir ao show. Ela contou que passou o dia fazendo o máximo de repouso para poder ir ao show. A família, possivelmente, ficou apreensiva, pois ela já estava de 39 semanas de gestação. Então ela postou novo stories, mostrando que estava numa área segura, destinada aos portadores de necessidade especiais, onde ficam as pessoas em cadeiras de rodas.

E a gestante conta que se comportou o tempo todo, não se agitou e ficou sentada. Nos dois shows de abertura, das bandas Ego Kill Talent e Greta Van Fleet, ela estava muito bem. Mas foi começar o som do Metallica, as contrações vieram. Ela conseguiu assistir o show quase todo, até que faltando umas três músicas para o final, o companheiro dela chamou a equipe médica.

Quando ela estava a caminho do ambulatório, para uma primeira avaliação médica, a bolsa estourou. Então a médica informou que a levaria de ambulância a maternidade. Mas aí tudo ocorreu muito rápido. O bebê nasceu ali, no estádio Couto Pereira, ao som do Metallica.

“Todos que viram eu na fila com aquele barrigão de 39 semanas brincaram que ele iria nascer no show. E foi o que aconteceu hahahaha”, brincou a mãe, que ainda informou que ela e a criança, Luan “Ulrich” Figueiró, estão muito bem fisicamente, só tentando entender como tudo isso aconteceu. O “Ulrich” é uma homenagem ao baterista e co-fundador da banda, Lars Ulrich.



Fonte: Ric Mais