Compartilhe

A última semana foi cheia de informações sobre a microrregião de Capivari, com eventos, andamento de alguns projetos de leis e notícias da tribuna. Segue algumas novidades do município:

PL que institui o programa “Adote uma Escola” é aprovado pela Câmara de Capivari

Foto: Câmara Municipal de Capivari

Na noite desta terça-feira (16), durante a 38ª sessão ordinária da Câmara Municipal de Capivari, foi aprovado por unanimidade o projeto de lei nº 18/2021, que institui no município o programa “Adote uma Escola”. A propositura é de autoria da vereadora Paloma Tatiane da Silva (PP).



O programa visa desenvolver parcerias com a iniciativa privada para a melhoria da qualidade do ensino e da estrutura da rede pública municipal. Para isso, podem ser “adotadas” quaisquer unidades escolares do município de forma total ou parcial, como, por exemplo, bibliotecas, brinquedotecas, laboratórios e quadras esportivas.

Para participar do programa, os interessados podem ser pessoas físicas ou jurídicas, tendo que ter um termo assinado junto à Secretaria Municipal de Educação. As instituições de ensino poderão ter no máximo três adotantes. Entretanto, eles devem atuar em ramos diferentes no mercado. Vale ressaltar que o adotante tem deveres com a unidade de ensino, e caso não cumpra, o termo poderá ser rescindido sem aviso prévio. Não será concedido incentivo fiscal aos envolvidos, porém poderão divulgar as ações para fins promocionais, publicitários e educativos, desde que sigam as orientações previstas no projeto de lei. 

A adesão ao programa pode ser feita de duas formas: por meio de doações (equipamentos, livros, materiais, uniformes ou mobiliários novos) e/ou por meio da realização de obras (construção, manutenção, reforma e ampliação de prédios escolares).

Paloma ainda ressalta algumas informações sobre o papel de tais empresas no âmbito escolar. “Gostaria de ressaltar que a adesão ao programa não permitirá interferência na gestão didático-pedagógica e na administração da escola, e que principalmente as obras de construção, reforma ou ampliação deverão ter autorização prévia da direção com o aval do Conselho Escolar ou da Associação de Pais e Mestres”



O programa passará a valer após a sanção do projeto de lei pelo prefeito Vitor Riccomini (PSL) e a publicação da lei municipal.

Ações e projetos voltados às pessoas com deficiência são apresentados aos vereadores

Foto: Câmara Municipal de Capivari

Na noite da última terça-feira (16), a secretária municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência e Mobilidade Reduzida, Manuela Maschietto Gonçalves Albini, esteve na Câmara Municipal de Capivari para uma apresentação sobre os trabalhos e projetos desenvolvidos pela pasta. No encontro, estavam os vereadores Inês Luísa Félix da Costa (PSL), Odésio de Jesus Ferraz (PSDB), Paloma Tatiane da Silva (PP), Ruan Henrique Pellegrini Braggion (Republicanos) e Sele Rosada (PSL). 

Manuela ressaltou em sua apresentação os projetos que vem promovendo por parte da Secretaria, com a realização de atendimentos individualizados e humanizados às pessoas com deficiência. Falou de alguns desses projetos, como o “Trabalho Apoiado”, que auxilia os PCDs na inserção no mercado de trabalho, e o “Inclusão nas Escolas”, que atua com capacitação dos profissionais para prestarem apoio às crianças com deficiência atendidas pela Rede Municipal de Ensino. 

Outro ponto discutido foi sobre o Cadastro das Pessoas com Deficiência (Censo), sendo classificado como de extrema importância. O primeiro levantamento foi das pessoas que possuem o Transtorno do Espectro Autista (TEA), e agora o levantamento é das pessoas com deficiência visual e auditiva. 

Como forma de contribuir à discussão, os vereadores fizeram algumas sugestões, como ações de apoio aos familiares, maior divulgação dos trabalhos da Secretaria e a formalização de projetos para aquisição de cadeiras adaptadas. Manuela adiantou que a pasta estuda a criação de um Centro Especializado para atendimento das pessoas com deficiência. 

Câmara Municipal de Capivari realiza entrega de homenagens durante a 38ª sessão ordinária

Na noite da última terça-feira (16), a Câmara Municipal de Capivari aprovou por unanimidade a Moção de Aplausos nº 111/2021. Ela tem autoria dos vereadores Ruan Henrique Pellegrini Braggion (Republicanos) e Thiago Braggion (PSL), destinada à Elisete Cristina Aguiar e ao Cláudio Lopes pela iniciativa de limpar e cuidar da área verde dos bairros Pipeiro e Nova Capi. Ambos estiveram presentes no plenário da Casa de Leis para receberem as homenagens das mãos dos parlamentares.

Em seu discurso, Elisete contou um pouco sobre a ação que ela encabeçou no final do ano passado junto aos moradores do bairro Nova Capi, com a limpeza da área verde, instalação de lixeiras e de placas de conscientização e plantio de mudas. A equipe da Raízes FM conversou anteriormente com a homenageada sobre tal projeto. Atualmente, 27 famílias participam do projeto, que também envolveu a Escola Municipal Cherubim Sampaio em uma ação ambiental comunitária. 

A segunda homenagem da noite foi para o senhor Toninho Junqueira pelos 40 anos de dedicação ao trabalho na rádio e pela fundação da rádio web São Gonçalo. Ele recebeu a Moção de Congratulações nº 108/2021, de autoria do vereador Thiago Braggion. Em seu discurso, falou sobre o início de seu sonho em criar uma rádio e como vem trabalhando na moda sertaneja desde então.

Toninho Junqueira já passou pela rádio Raízes FM, cujo último trabalho foi a apresentação do programa Raízes do Brasil nas manhãs de domingo. Após 24 anos, ele deixou a Raízes para fundar a sua própria rádio, a São Gonçalo (web), cuja programação é voltada 100% ao sertanejo. 

A última homenagem da noite foi voltada aos guardas civis municipais Ramon Borba de Souza, Fernando Sebuske e Rodolfo Bueno Gasparini pelo salvamento de Eloá Victória, que na data da ocorrência tinha apenas oito dias de vida. Quem promoveu tal homenagem foi o presidente da câmara, Du Bombonatti “Tambú” (Republicanos), fazendo a entrega da Moção de Aplausos nº 109/2021. 

Na data da ocorrência, os guardas estavam em patrulhamento de rotina quando foram chamados pela senhora Carolina Dias para socorrer Eloá que havia se engasgado. No salvamento foram realizados os procedimentos de primeiros socorros.

Câmara de Capivari autoriza o recebimento de  emendas parlamentares e repasse do Ministério da Educação

Foto: Câmara Municipal de Capivari

Na noite da última terça-feira (16), durante a 38ª sessão ordinária da Câmara Municipal de Capivari, doze projetos de lei de autoria do Poder Executivo foram aprovados por unanimidade, além de um projeto de lei de autoria do Poder Legislativo, oito requerimentos e quatro moções. 

Os projetos de lei da Prefeitura tratam de adequações orçamentárias, inclusive para o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae).Além disso, também foram aprovados projetos de lei que autorizam o município a receber emendas parlamentares. São elas: 

  • R$ 40 mil do deputado federal Ricardo Izar (PP) à instituição Casa Nossa Mãe, conquistada pela vereadora Inês Luísa Félix da Costa (PSL); 
  • R$ 150 mil para aquisição de aparelho de hemodiálise e R$ 90 mil para aquisição de ultrassom portátil do deputado federal Carlos Sampaio (PSDB), conquistadas pelos vereadores Odésio de Jesus Ferraz e Sandro Modas, ambos do PSDB; 
  • R$ 200 mil para a compra de equipamentos para a Santa Casa de Misericórdia e R$ 100 mil para custeio do hospital do deputado estadual Rogério Nogueira (DEM), conquistadas pelos vereadores Ruan Henrique Pellegrini Braggion (Republicanos) e Vinícius Scarso (MDB). 

Outro projeto de lei que foi autorizado foi o nº 162/2021, que libera o município a receber repasse do Ministério da Educação no valor de R$520.874,84 para a conclusão das obras da creche do bairro Santa Teresa D’Ávilla. 

Academias ao ar livre serão instaladas nos bairros Jardim do Bosque e Jardim Branyl

Foto: Câmara Municipal de Capivari

Na tarde desta quarta-feira (17), o vereador Marquinho Mineiro (Podemos) confirmou a conquista de  duas academias ao ar livre junto ao deputado estadual Rodrigo Gambale (PSL).  Os equipamentos deverão ser destinados aos bairros Jardim do Bosque e Jardim Branyl, de acordo com o pedido de Mineiro.

Presidente Du Bombonatti “Tambú” critica paralisação das obras no bairro São João

Foto: Câmara Municipal de Capivari

Na noite da última terça-feira (16), o presidente da Câmara Municipal de Capivari, Du Bombonatti “Tambú” (Republicanos), fez uma crítica em tribuna à paralisação das obras das pontes que dão acesso ao bairro São João e ao conjunto habitacional Ismael Sanches. Em seu discurso, o presidente da câmara falou sobre o carinho que mantém pelo bairro, e cobrou a Secretaria de Desenvolvimento Urbano para que retornem os serviços, para que tais reclamações cessem. 

Devido ao período de final de ano, Du Bombonatti sugeriu que seja feita a primeira ponte – se possível até dezembro – e que as obras da segunda ponte sejam iniciadas apenas no começo de 2022, após o término das festividades e do período de chuvas. O servidor espera uma resposta da Prefeitura e seu cronograma de obras atualizado.

PLs contratuais são discutidas em tribuna

Foto: Câmara Municipal de Capivari

Na noite da última terça-feira (16), o vereador Sandro Modas (PSDB) usou a tribuna para comentar sobre a votação do projeto de lei nº 165/2021, de autoria do Poder Executivo, que autoriza o município a receber emendas parlamentares, dentre elas as verbas de R$ 150 mil para a aquisição de um aparelho de hemodiálise e R$ 90 mil para a aquisição de um aparelho de ultrassom portátil, destinadas pelo deputado federal Carlos Sampaio (PSDB).

Essas emendas já haviam sido anunciadas por Sandro e pelo vereador Odésio de Jesus Ferraz (PSDB) e, com a aprovação do projeto de lei pela Câmara Municipal de Capivari, já estão liberadas para uso da Prefeitura. O parlamentar disse ainda que a verba de R$ 320 mil para a aquisição de uma ambulância de UTI móvel também será encaminhada em breve. 

Votação do projeto de lei

Entrará no expediente da 39ª sessão ordinária da Câmara de Capivari, o projeto de lei de autoria do vereador Sandro Modas que proíbe a contratação por parte da Administração Pública de pessoas condenadas pela Lei Maria da Penha.

O vereador pediu o apoio dos demais pares para a aprovação do projeto, o qual avalia ser de extrema importância, uma vez sendo analisado o atual cenário em que o número de casos de agressão às mulheres cresce a cada dia. 

Capivari, Rafard e Monte Mor pedem apoio ao DAEE para o desassoreamento do rio Capivari

Foto: Câmara Municipal de Capivari

Na última quarta-feira (17), por iniciativa do vereador José Eduardo de Campos Pacheco (PL) e com apoio do deputado estadual Rafa Zimbaldi (PL), autoridades de Capivari, Rafard e Monte Mor estiveram na sede do DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica) em uma reunião com o superintendente Francisco Eduardo Loducca. Nela, foram discutidas formas de resolver o problema das enchentes nos municípios.

Foi solicitado ao DAEE o envio de equipamentos para a realização do desassoreamento do rio Capivari, como primeira atitude para sanar o problema nas cidades, ficando claro que foram discutidas outras medidas para a resolução desta dor que atinge os municípios. 

Além do vereador e de Zimbaldi, participaram do encontro o prefeito de Capivari, Vitor Riccomini (PSL), o secretário municipal de Segurança Pública e de Mobilidade Urbana, Mauro Júnior, o prefeito de Rafard, Fábio Santos (PSL), o prefeito de Monte Mor, Edivaldo Brischi (PTB), e o secretário executivo do Consórcio PCJ, Francisco Lahoz.