Compartilhe

A última semana foi cheia de informações sobre a microrregião de Capivari, com eventos, andamento de alguns projetos de leis e notícias da tribuna. Segue algumas novidades do município:

Vereador Vinícius Scarso cobra melhorias no bairro Porto Alegre

Foto: Câmara Municipal de Capivari

O vereador Vinícius Scarso (MDB) cobrou o Poder Executivo sobre as melhorias para o bairro Porto Alegre. Segundo ele, semanalmente recebe reclamações sobre o alto número de buracos no asfalto das ruas do bairro, e que desde o primeiro dia de mandato cobra o recapeamento do local.



O parlamentar afirma que a manutenção já era para ter começado, porém as enchentes que afetaram a cidade recentemente alteraram todo o cronograma de trabalho da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano.O secretário Ricardo Bagnato informou que o serviço começará em algumas semanas.

O vereador aproveitou para solicitar também a instalação de um ponto de ônibus em frente ao posto de saúde do bairro e a construção de uma cobertura maior, na parte externa do posto de saúde, para que os pacientes possam aguardar as consultas na sombra. Além disso, em tribuna já informou que fará a indicação a Secretaria de Mobilidade Urbana para a melhora do tráfego na avenida Pio XII, mais especificamente na entrada para o bairro Porto Alegre, onde devido ao afunilamento da via, gera congestionamento nos horários de pico.

Vereador Odésio apresenta Moção de Aplausos à empresa por trabalho voluntário após as enchentes

Foto: Câmara Municipal de Capivari

O vereador Odésio de Jesus Ferraz (PSDB) realizou a entrega da Moção de Aplausos nª 05/2022 ao senhor Michel Zangeronimo, diretor da empresa Constal Empreendimentos Imobiliários. A cerimônia aconteceu na manhã desta terça-feira (15), no município de Porto Feliz. 

A propositura apresentada pelo vereador é uma forma de parabenizar e agradecer o serviço de manutenção feito nas ruas do bairro Jardim Santa Rita de Cássia, logo após os estragos causados pelas enchentes.A empresa cedeu maquinário e mão de obra de forma voluntária. 

Câmara de Vereadores de Capivari aprova projeto de lei que autoriza o município a receber R$ 1 milhão para serviços de  emergência relacionados às enchentes

Foto: Câmara Municipal de Capivari


A Câmara dos Vereadores de Capivari aprovou o projeto de lei (nº 45/2022), que autoriza abertura de crédito adicional especial na Prefeitura para o recebimento do recurso de R$ 1 milhão para serviços de emergência relacionados às enchentes que afetaram recentemente o município. 

De acordo com a Prefeitura, o dinheiro será usado para contratação de empresa especializada em serviços de transporte e destinação final de resíduos de classe II, locação de tratores, motoniveladora e pá carregadora para remoção de estruturas danificadas por deslizamentos e contratação de rolo compactador para recomposição das estradas rurais danificadas pelas chuvas.

Na 2ª sessão ordinária da Câmara Municipal de Capivari, foi aprovado por unanimidade 34 projetos de lei e um projeto de lei complementar de autoria do Poder Executivo, além de 14 requerimentos e quatro moções. 

Os roteiros completos das sessões ordinárias da Câmara Municipal estão disponíveis para consulta no site www.capivari.sp.leg.br.

Câmara de Vereadores de Capivari aprova moções pelos 91 anos do jornal Correio de Capivari e 45 anos do Sicoob Cooplivre

O presidente da Câmara Municipal de Capivari, José Eduardo Bombonatti (Republicanos), e o vereador Thiago Braggion (PSL) apresentaram duas Moções de Congratulações. Bombonatti homenageou o jornal Correio de Capivari, que completa 91 anos. Já Braggion direciona sua moção para os 45 anos da Sicoob de Capivari. Ambas foram aprovadas por unanimidade.

A propositura do Correio de Capivari foi entregue ao diretor do periódico, Arnaldo Mattar. Inicialmente chamado de Correio Parochial, o jornal foi fundado em 10 de janeiro de 1931 por Flávio Stein Proença e atualmente é dirigido por Arnaldo Mattar (editor) e Matheus de Moraes Mattar. Circula aos sábados com conteúdos voltados à saúde, cultura, cidade, variedades, política, economia e esporte, além das tradicionais colunas. 

Já a  Moção de Congratulações direcionada à Sicoob Cooplivre  foi entregue ao vice-presidente da instituição, Arlindo Batagin Júnior. No documento, explicita a importância da cooperativa no desenvolvimento da cidade: “Hoje, é considerada uma instituição de definitiva importância para o desenvolvimento de Capivari, ano a ano, esta instituição financeira demonstra que é possível ter compromisso social e obrigações com políticas de governo, sendo ao mesmo tempo eficiente e competitivo em sua área”.

Vereador agradece a Prefeitura pela isenção do IPTU, liberação do FGTS e desconto na conta de água às vítimas das enchentes

Foto: Câmara Municipal de Capivari

O vereador Thiago Braggion (PSL) agradeceu a Prefeitura de Capivari por ter atendido o pedido e determinado a isenção do pagamento do IPTU — sugerido também pelo vereador Denilton Rocha (MDB) —, a liberação do FGTS e desconto na conta de água às famílias atingidas pelas enchentes.

De acordo com o parlamentar, essas ações são formas do poder público colaborar para que as famílias retomem suas rotinas normais.

Em seu discurso, Braggion protocolou uma indicação para que seja implantado um sistema de alertas de enchentes no município. “Tem pessoas que não saíram de casa, que saíram quando a água já estava no colchão porque não se atentaram, não escutaram os vizinhos chamando, não escutaram a Defesa Civil chamando.”

Vereador Thiago Braggion cobra da Caixa Econômica Federal a instalação de cobertura externa para as pessoas que aguardam na fila de espera

Foto: Câmara Municipal de Capivari

O vereador Thiago Braggion (PSL), esteve na Caixa Econômica Federal, em reunião com a gerente Catarina, para solicitar que seja instalada uma cobertura na área externa do banco para que as pessoas fiquem protegidas do sol e da chuva enquanto aguardam na fila. O encontro aconteceu na tarde de quarta-feira (16), e foi motivado pela situação de espera das pessoas na fila devido ao Covid-19, que não permite a espera na área interna da agência.

A gerente disse que verá internamente o que pode ser feito, porque a Caixa possui uma legislação que não permite mudanças na fachada. O parlamentar informou que cobrou que a instituição resolvesse o problema, uma vez que as pessoas não devem ficar aguardando seu atendimento em meio a sol forte ou na chuva, e ainda informou que está estudando medidas judiciais que obriguem as instituições bancárias a  instalarem estruturas de proteção na área externa.