Compartilhe

O jardineiro Chavedegol Galvão de Souza, de 40 anos, de Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife ganhou esse nome a partir da união de duas coisas de que o pai, que era sargento da PM, gostava. “Meu pai assistia ao programa Chaves e tinha um Gol”, resumiu.

Montagem chavedegol — Foto: Reprodução e Divulgação

A família de Chavedegol Galvão é mais um caso de “criatividade” familiar para colocar nomes “diferentões” nos filhos. Chavedegol é o filho caçula do sargento Inácio Galvão e de dona Adélia de Souza, que já morreram. Entre os oito irmãos, seis têm nomes “incomuns”.



O irmão mais velho é Water Crow. Tem um que se chama Anter Brum e outro foi batizado de Blumenaudo. Fazem parte da família, ainda, Telegram, Charliedgeol e Hanamix. mAs outras duas irmãs ganharam nomes considerados mais “simples”: Cleonice e Sueli.

O jardineiro disse que Charliedegol foi uma “homenagem” ao general francês Charles de Gaulle, que lutou na Segunda Guerra Mundial. “Meu pai não gostava muito de nomes comuns, que havia nas outras famílias na vizinhança. Ele dizia que ninguém iria copiar os nomes da gente”, explicou.

Fonte: G1