Compartilhe

Dentro do Morumbi a equipe comandada por Fernando Diniz, não conseguiu vencer os reservas do Santos em tarde chuvosa e sem criatividade do líder do Campeonato Brasileiro. Apostando no contra-ataque, o Santos volta à disputa por uma vaga na próxima Libertadores com o resultado positivo na rodada.

Com uma sequência de jogos ruins desde a eliminação na Copa do Brasil pelo Grêmio, o São Paulo teria a chance de enfrentar em casa a equipe reserva do Santos, já que o time comandado por Cuca está focado no jogo de quarta-feira contra o Boca Juniors pela Libertadores. Diferentemente do esperado essa vantagem não se refletiu em campo. Sem criar oportunidades o tricolor não conseguiu vencer a primeira de 2021 e viu a vantagem para o vice-líder Internacional ser reduzida à 3 pontos



Mesmo com o domínio da posse de bola, o São Paulo não teve muitas oportunidades de gol no primeiro tempo, quem chegou mais perto de abrir o placar foi o Santos em um contra-ataque veloz puxado por Arthur Gomes, que acabou acertando a trave em um chute cruzado. O mais perto que o Tricolor chegou de fazer um gol foi um chute de fora da área de Daniel Alves que passou ao lado do gol de João Paulo.

Com as propostas de jogo de ambas as equipes bem definidas, o cenário para o segundo tempo não indicava que seria diferente e apenas com um minuto de jogo, o Peixe conseguiu botar seu plano em prática, quando Jobson roubou a bola no meio de campo e apareceu dentro da área para receber de Arthur Gomes e de bico finalizar para o gol de Tiago Volpi, que aceitou o chute e não conseguiu evitar o gol santista.

Jobson e Arthur Gomes após o gol FOTO: Ivan Storti

A vitória momentânea fez com que o Santos se fortalecesse ainda mais na defesa, com entradas de titulares em campo e contando com as defesas de João Paulo, que garantiu a vitória, principalmente ao defender a cabeçada de Brenner aos 39 do segundo tempo. Novamente em um contragolpe o Santos ainda teve a chance de fazer o segundo, quando Lucas Braga em jogada individual se desvencilhou da marcação e finalizou rasteiro, porém Tiago Volpi fez excelente defesa.

Duas derrotas seguidas fizeram com que a vantagem para o vice-líder Internacional caísse para 3 pontos e outros adversários podem chegar ainda mais perto pois tem partidas a menos, ainda a serem disputadas.


Deprecated: Directive 'allow_url_include' is deprecated in Unknown on line 0